quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Amor, jóia rara





















Nosso amor, jóia rara

Os nossos mais lindos segredos,
Nós não contamos nem ao vento
Deixamos-os guardados em conchas
Feitas de nossas mãos.

Onde eles adormecem docemente
Como uma criança inocente
Protegidos da fúria e das tempestades,
Afinal, são nossos segredos de amor.

Nossos segredos,
São como jóias raras, são artesanais
Pedras lapidadas dia após dia
Feito caprichosamente por nós dois
Uma após a outra com carinho.

Uma jóia raríssima, inestimável, a qual
Chamamos de o nosso grande amor.

Joe Luigi

4 comentários:

  1. aqui tem tanto sentimento.Esse trecho diz tudo para mim: " Os nossos mais lindos segredos,
    Nós não contamos nem ao vento
    Deixamos-os guardados em conchas
    Feitas de nossas mãos."
    bejuxus

    ResponderExcluir
  2. Belo post...

    Belo blog...

    Parabéns!!!

    Convidaria vc a conhecer meu trabalho...
    http://mailsonfurtado.com

    Grato demais!

    ResponderExcluir
  3. Nosso amor! Nossos segredos! Linda poesia! Que só nós dois sabemos guarar!Dentro do coração! Meu amor Eu te amo!!!

    ResponderExcluir