terça-feira, 14 de setembro de 2021

Simples assim

 

Simples assim_


Simples assim_

Enquanto eu desdobro cuidadosamente os meus pensamentos escritos em folhas 

de papéis de seda, Te espero sentado na escada, com a brisa suave do vento de abril, 

deixando os meus cabelos em desalinho, bagunçando todos os pensamentos,

tentando descobrir os meus segredos...

Sorrio dizendo que bobagem, eles são meus.

Os escrevi numa essência transparente no andar lento das horas, quando eu tocava

o tempo levemente com as pontas dos dedos tentando mudar os meus sonhos 

neste meu jeito quase inocente de ser...

Quando Impaciente, debruço no avesso de mim esperando enquanto observo o mistério 

que rodeia este amor, ansioso para encontrar com a chuva,  e olhar

as gotas escorrerem na janela de vidro, lavando o som monótono dos meus

silêncios, descansando o meu olhar cansado. Quero ficar um pouco sem preocupações.

 Ansioso apenas por ter você ao meu lado e dentro do meu abraço te fazer segura.

Nos amar o tempo todo mais e mais...

Deixar o mundo lá fora parar e existir só nós dois, nos amando mais que muito. 

Acomodarmos no fundo do coração um do outro e não fazemos barulho, estando 

no lugar onde deveríamos estar, invisíveis, silenciosos, belos à sua maneira.   



Bem simples assim.


              Joe Luigi

terça-feira, 27 de julho de 2021

Te sonhar

 

Te sonhar_


Eu abraço apertado as nuances dos meus pensamentos quando tudo 

tornam o amor num silêncio, e a música  envolve-me ultrapassando o meu sonho.

Viajo na música, devaneio em ti. 

Penso que um sopro de vento de repente é tua carícia  tocando suavemente o meu rosto  

tem perfume lembra-me uma flor e acalma minh'alma.

Então, os meus pensamentos misturados ao som do piano torna-se 

palavras sussurradas acariciando-me... 

Ora faz-me feliz, ora me faz saudades.  

Levanto os meus olhos e me perco olhando para o nada.

O horizonte diante de mim, chama-se você em gritos mudos, 

gritos que se perdem na distância do nosso último abraço 

hoje tão distante, e os meus braços não mais te alcançam.

Adormeço buscando te sonhar.


_____Joe Luigi 



 

Eu nem sabia_


Eu nem sabia ainda que eu saberia ver nas nuvens imagens e vultos 

e a grandeza das cores no céu.

Ver e sentir os sussurros do vento e nem a beleza das ondas do mar 

que conta-me as suas memórias além de outros mares.

Nunca imaginei-me lendo as pessoas nas histórias guardadas em seus olhares,

e nas cicatrizes ocultas de alguns sorrisos em seus silêncios calados, entalados 

em gritos mudos.

Muito  menos , saber encontrar a poesia em todos os lugares que eu fosse.

Hoje,  eu já sei ler a vida,  muito  além do que tu a vês. 

Aprendi caminhando com passos lentos, calculados,  enquanto eu andava pela vida 

bem vagarosamente de pés cansados, mas, aprendendo a viver.

Aprendendo, descobri te amar.


______Joe Luigi

quarta-feira, 7 de julho de 2021

Amor de outono

 

Meu amor de outono_


Andei pelos campos nesta tarde, e olhando o colorido das folhas de outono 

fizeram-me lembrar teu vestido que esvoaça nos encontros que ainda consigo  

vive-los... 

São imagens de tempos que eu era tão feliz e vivia o colorido

de um tom jamais descrito como cenário do nosso amor...

Foi-se o tempo com os dias que como ventos suaves das tarde que eu vagava 

pensando em você.

Mas de tudo, não levou esta saudade que ficou em mim, e vagarosamente,

piso em folhas como um tapete sinto teus pés alvos rodopiarem teu corpo, 

com um sorriso que abre minha caixa de lembrança, e eu te revivo... 

Princesa dos dias que eu tanto pude sonhar, sonhar, sonhar...

Lembro do teu olhar exalando o perfume mesclado a madeira, 

cítrico e tão penetrante, 

onde meus braços te apertavam em um aconchego que só meu coração 

podia sentir o forte pulsar...

Como eu te vivi, e como era imenso o amor por ti, tarde de outono que eu era tão teu, 

tão nós, tão brisas suaves como as folhas que iguais 

ainda hoje caem, e nelas, 

o tempo tirou-me o que tanto dava a vida 

na troca da própria estação...

Foi e será sempre assim um amor de outono, uma dor que ficou em mim...

Um sorriso que expressa tudo e sobra palavras, como o vento, tu me tocas 

em sussurros, 

me desarrumando por dentro, quando nas tardes de outono penso em ti. 





_____Joe Luigi

Amore_

Amore_


Eu respeitei o teu silêncio quando você precisou ficar só, e invadi 

os teus sonhos todas as vezes que me chamou.

Fiquei calado só para te ouvir, alisei os teus cabelos para você dormir...

Fiquei acordado quando você não queria ficar só, quanto triste, 

eu te fiz sorrir entre as lágrimas.

Por muitas vezes, eu dormi o teu sono quando insone te fiz dormir. 

Então percebi que estávamos misturados, éramos um só.

Amores encaixados, amantes errantes

 querendo-se intensamente,  de um jeito quase louco de amar.

Somos almas fundidas, somos vidas unidas, corpos na exata medida para se encaixarem 

e mesmo longe, estamos sempre perto.

Porque habitamos um no outro, moramos nos corações.

____Joe Luigi